1 de mai de 2010

Carta para Dylan

Meu primo nasceu, eu agora tenho companhia!!

Dylan, você vai gostar muito desse mundo, eu sei que na barriga era tudo quentinho, a comida vinha prontinha e a gente não precisava desgrudar um segundo da mamãe. Mas, aqui fora, apesar de no início ser um pouco assustador, você ja percebeu, né? Tem umas luzes fortes esquisitas e que acendem e apagam (quando vc tiver maior vai aprender a ligar e desligar igual a mim, é muito legal, mas acho que meus pais não acham muita graça não, eles dizem que eu vou queimar a lâmpada, e eu sei lá o que é queimar e muito menos lâmpada...), e aquele berço tão grande só para a gente, é estranho né? A gente fica lá largadão, mas nem se preocupe, se vc se sentir sozinho, tiver frio, calor, etc. pode chamar seus papais que eles logo, logo vão te ajudar!!

E a comida, o leitinho da mamãe sempre pronto...hum, delícia!

Colinho do papai, denguinho da mamãe, beijinhos da vovó, o sol, os passeios, as plantas, os animais, os cheiros das frutas, o colorido das flores, são muito legais...

Olhe, mesmo a gente morando longe, quando a gente se encontrar vou te ensinar tudo que eu ja aprendi e você me ensina o inglês, combinado?

Bem vindo, meu priminho, a esse mundo tão colorido e divertido!!