29 de fev de 2008

Meu eu

...meu eu ultimamente tem andado distante de mim....pois minha porção estudante de mestrado tem falado mais alto...estou mergulhada, para não dizer afogada, nos questionários, spss, adolescentes...será que no final sobrará algo de mim? quer dizer do meu Eu?!!!
ai ai...volta aos estudos!!


Ps! a parte isso descobrir como os países de primeiro mundo podem ser sujos, ruas sujas, cuspe, cigarro, cocô de cachorro...ecath!! higiene minha gente, higiene!!!!

5 de fev de 2008

Carnaval

Ela acordo diferente naquele dia...levantou cedo, foi a cozinha preparou o café da manhã, colocou a mesa, deixou o almoço pronto e saiu com uma sacola azul piscina. Ele acordou, como de costume, a não ser pela hora, era feriado, ele levantou as 10:06, foi até a cozinha comeu alguma coisa, sentou na sala e gritou: "DETINHA, DETINHA" .Tendo o silêncio como resposta ligou a tv e pensou...deve ter ido ao supermercado. Com o passar das horas e ausência de Detinha, sentiu fome, só assim percebeu que o almoço estava pronto em cima do fogão comeu como um porco e deitou como um Ogro no sofá da sala. Acordou as 5:06 chamou mais uma vez por Detinha, sem resposta, xingou, esperneou, abriu uma lata de cerveja e pensou: Assim, é melhor, sem Detinha para encher o saco, bebo, derrubo amendoim na sala..sem sua repressão...esse foi o feriado que pedir a Deus.
Ligou para o vizinho e o chamou para sua casa, com a alegria de um menino, que a mãe permite uma bagunça geral no quarto com os amigos. O vizinho não pensou duas vezes subiu as escadas como um raio e foi logo dizendo...." Esse fériado foi o que eu pedir a Deus, Nela saiu cedo, deve ter ido para a casa da mãe...fiquei jogadão no sofá o dia todo"." Não é que Detinha também sumiu desde cedo" se entre olharam e falaram ao mesmo tempo " Melhor assim" Riram, jogaram se no sofá , beberam, falaram de mulher, das mulheres gostosas, das mulheres dos outros, das aventuras fora do casamento e por fim das suas mulheres, excelentes donas de casa, eram quase tão boa quanto as suas respectivas mães, riram...Ligaram a TV...era carnaval....desfile de escola de samba mulher gostosa, bikines minúsculos, bundas passando por segundo na TV...repentinamente a imagem que eles sonharam no último carro alegórico...duas bundas vinham animadas, mexendo com intensidade, levando com elas um bikine cor de ouro, a televisão dar "um show de imagem" em câmara lenta...as bundas se movimentam, a câmara levanta a imagem passa para os seios..desnudos coberto com purpurina...eles sonham, imaginam...fantasiam...!!!
Despencam de bêbados no sofá dormem ali mesmos, no outro dia Detinha e Nela os acordam graciosamente, preparam um café da manhã..eles atônitos com a noite de sonhos que a Tv os proporcionaram...olham para aquelas Donas de casas, suspiram e pensam: "pelos menos cozinham bem"
Detinha e Nela sorriem internamente, se entre olham e pensam... o melhor carnaval da minha vida.
No canto da sala a bolsa azul piscina deixa escapar um fio cor de ouro pela lateral.